A importância de um bom projeto de iluminação e sua influência nos ambientes

12 / 09 / 2016 | Postado por Invespark.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A iluminação dentro da arquitetura de interiores vai muito além da escolha de lustres, abajures ou arandelas. Para garantir um projeto luminotécnico realmente eficiente, é preciso dar atenção também à quantidade, intensidade e distribuição da luz.

Isso porque ela vai muito além de iluminar, detendo o poder de valorizar ou prejudicar um espaço. E como existe um tipo de luz mais adequado à função de cada ambiente, os projetos de iluminação acabam se tornando essenciais.

Para se ter uma ideia da importância de um bom projeto, um profissional do ramo elabora cálculos levando em conta os níveis adequados de iluminação estabelecidos pela norma NBR 5413, além das medidas do pé direito, cores do piso e paredes, altura, formato e rendimento das luminárias, bem como a natureza da atividade que será exercida no ambiente.

Segundo a NBR 5413, uma iluminação adequada depende das características da tarefa a ser executada e também do observador. As variáveis que compõem essas características são a velocidade e precisão do trabalho a ser realizado, a idade dos usuários e a refletância do fundo da tarefa.

Separamos aqui três pontos importantes para quem não é especialista no assunto, mas deseja extrair o máximo do potencial funcional e decorativo das luzes. Lembrando que o uso correto da iluminação pode até mesmo promover economias importantes. Confira:

1) Ter bastante luz não significa que um ambiente está bem iluminado

Por isso, a distribuição é essencial. Para verificar a qualidade da distribuição, note se há pontos do ambiente que estão mais escuros. Se sim, significa que a luz não está distribuída de maneira uniforme e o projeto deve ser repensado.

2) A iluminação não pode ser demais e nem de menos

Algumas pessoas podem se sentir fatigadas na presença de iluminação precária. Isso, dia após dia, pode comprometer a saúde, o humor, o bem-estar e o rendimento. Portanto, o conforto visual não pode sobrepor a qualidade de vida no espaço.

3) Evite desperdício de energia

Ambientes com apenas uma lâmpada de alta potência e fluxo luminoso, podem experimentar desperdício de energia por excesso de luz. Se esse for o seu caso, é mais econômico contar com pontos de luz menos potentes, mas bem posicionados.

voltar